No artigo A call to action on efficient and smart appliances discute-se a importância dos padrões de eficiência energética e programas de etiquetagem para equipamentos e eletrodomésticos, ressaltando a ambição conjunta da IEA e do Reino Unido para dobrar a eficiência dos principais aparelhos vendidos globalmente até 2030, notadamente motores industriais, lâmpadas, condicionadores de ar residenciais e refrigeradores residenciais. No texto são apresentados diversos benefícios das políticas de eficiência energética de aparelhos, principalmente os de longa duração, que já economizam o equivalente a 15% do consumo total de eletricidade por ano em algumas regiões, como Estados Unidos e União Europeia. No Brasil, essa economia é de apenas 4%. Também são destacadas políticas e iniciativas que podem promover a venda de produtos e equipamentos altamente eficientes. Além dos pacotes de políticas que se concentram na melhoria do desempenho dos aparelhos, discute-se o rápido crescimento dos dispositivos digitais conectados à Internet, que abrem uma nova fronteira para a política de eficiência. Ao final, é destacada a iniciativa COP-26 Product Efficiency Call to Action. 

IEA

Link de acesso:

https://www.iea.org/articles/a-call-to-action-on-efficient-and-smart-appliances