O relatório Glasgow’s 2030 credibility gap: net zero’s lip service to climate action, cujos resultados foram apresentados na COP 26, traz dados estarrecedores sobre o caminho que o mundo está trilhando em relação aos limites do Acordo de Paris. Revela-se que há uma enorme lacuna de credibilidade, ação e compromisso, o que lança uma grande dúvida sobre o atingimento das metas de zero líquido propostas por mais de 140 países. Com efeito, o estudo aponta que as NDCs para 2030 nos colocam no caminho de um aumento de 2,4º C da temperatura do planeta até o final do século. A análise também revela que os países com uma classificação de zero líquido “aceitável” cobrem apenas 6% das emissões globais e que nenhum país possui políticas de curto prazo suficientes para se colocar no caminho de sua meta de zero líquido. Destaca-se ainda que os principais motivadores da frustração são o carvão e o gás, que precisam atingir o pico ainda nesta década antes de serem totalmente eliminados nas próximas décadas. Nesta edição do Panorama, trouxemos outro estudo complementar a este. É o relatório da Climate Analytics, que afirma que forte aumento do uso do gás será um problema a mais no caminho da transição energética e da sustentabilidade. 

Climate Action Tracker

Link de acesso: 

https://climateactiontracker.org/publications/glasgows-2030-credibility-gap-net-zeros-lip-service-to-climate-action/