O artigo Vehicle makers stumble over geopolitics, supply chain tangle discute o impacto da interrupção das cadeias de suprimentos para os fabricantes de veículos elétricos em decorrência das crises recentes. Explicita-se que a crise da covid-19 impulsionou o cenário de escassez de chips semicondutores que os fabricantes já estavam lidando. Já depois que a Rússia invadiu a Ucrânia, as projeções de mercado tornaram-se mais incertas, visto que a Ucrânia é uma fornecedora importante de chicotes elétricos para várias montadoras europeias. A invasão também afetou fabricantes de chips nos EUA, já que a Ucrânia fabrica gases como o neon, que são usados em lasers para produzir os chips. As sanções à Rússia também causaram impacto no setor, pois, de janeiro a maio, as vendas de veículos na região caíram 52%. O autor ainda apresenta outros  dados sobre o impacto e mostra as perspectivas para evolução dos estoques e produção de veículos nos EUA, na União Europeia, na China e na Índia. Ressalta, por fim, que os fabricantes de baterias e veículos estão lutando para normalizar as operações e que a grande questão que se coloca é a tendência de preços altos e seus efeitos negativos para o avanço do mercado.

S&P Global – Clement Choo

Link de acesso:

https://www.spglobal.com/commodityinsights/en/market-insights/blogs/metals/062422-around-the-tracks-russia-ukraine-supply-chain-electric-vehicles