O artigo How to Meet the Coming Demand for Hydrogen aborda as perspectivas e os desafios do uso do hidrogênio de baixo carbono e dos combustíveis derivados dele – os chamados combustíveis power-to-X (P2X). Examina-se questões como: (1) a quantidade de combustível de baixo carbono necessária para o mundo apoiar a transição energética global nas próximas três décadas; (2) quanto dessa quantidade deve consistir em combustíveis P2X e quanta energia renovável será necessária para produzi-los; e, (3) como os produtores podem gerar essa quantidade de energia renovável. De acordo com a análise, serão necessários, por ano, 380 milhões de toneladas de hidrogênio de baixo carbono e seus derivados para limitar o aquecimento global a 2°C, subindo para 565 milhões de toneladas por ano para atingir a meta de 1,5°. A produção deve envolver o uso de gás natural e tecnologias de captura de carbono ou eletrólise alimentada por energia renovável. Atender a demanda, lidar com os custos, a infraestrutura, as cadeias de suprimentos e matérias-primas são os maiores obstáculos. Para enfrentá-los, os autores apontam as tecnologias mais eficientes para cada tipo de produção de hidrogênio com baixo teor de carbono – solar, eólica, eletrólise, nuclear, natural, e bioenergia – e a necessidade de Centros Globais de Produção.

BCG – Mogens Holm, Frank Klose, Esben Hegnsholt, Simon Birkebaek, Thomas Baker, Kesh Mudaly e Whitney Merchant

Link de acesso:

https://www.bcg.com/pt-br/publications/2022/how-to-meet-future-low-carbon-hydrogen-demand